top of page

Manchas e Melasma

O melasma é um distúrbio de pigmentação caracterizado pelo surgimento de manchas na pele de tom amarronzado. Ele geralmente aparece nas bochechas, na testa e no buço, mas também pode surgir em outras áreas como o colo e os braços. Existem três tipos de melasma: epidérmico, quando há depósito exacerbado de pigmento na epiderme (camada mais superficial da pele); dérmico, caracterizado pelo depósito de melanina ao redor dos vasos superficiais e profundos; misto, quando há excesso de pigmentação na epiderme, na derme e em outras regiões.

Alguns fatores podem desencadear o surgimento do melasma, como a exposição ao sol e ao calor, principalmente sem proteção. Isso porque a luz ultravioleta estimula os melanócitos, células que produzem a melanina, pigmento que dá cor à pele. Além disso, a exposição solar é responsável pela reincidência do melasma. Entre outras causas destas manchas na pele estão as alterações hormonais causadas pela gravidez, uso de pílulas anticoncepcionais, entre outras condições.

Tecnologias usadas para esse tratamento

O melasma é uma doença crônica, sendo rara sua cura definitiva. Contudo, existem opções para tratamento que possibilitam clarear as manchas e diminuir a produção de melanina:

  • Fotoproteção

  • Peelings

  • Microagulhamento

  • Máscaras clareadoras

  • Fototerapia (laser/LED)

  • Skinbooster

Qual o preço do tratamento?

Não existe um preço fixo para o tratamento da melasma, visto que ele é personalizado para cada pessoa, de acordo com suas características individuais. Aspectos como grau da melasma, o número de sessões necessárias, as regiões de tratamento e a técnica escolhida, influenciam diretamente no orçamento final. Por isso, em todo caso, é necessária uma avaliação para que o profissional possa personalizar o seu tratamento e determinar o valor mais adequado.

bottom of page